domingo, 12 de novembro de 2017

Para onde caminha a humanidade ...

Para onde caminha a humanidade? Qual legado estamos deixando para a geração do amanhã?
Um cenário de egoísmo e falta de empatia com a vida do outro ser semelhante. Uma geração aparece gritando por uma sociedade mais justa, mas utilizando meios errados para a conquista do ideal.Uma questão filosófica que grita desesperada por resposta!
O sentimento de reflexão sobre as atitudes humanas e como podemos corrigir estas ações será abordado para sensibilizar o leitor sobre o seu papel de agente de mudanças para a sociedade de agora e de amanhã.
Muitos filósofos e líderes deixaram o legado de experiências que mudaram o mundo em que vivemos.
A tecnologia avança e o amor ao dinheiro impondo modelos de vida fútil, vazia e sem lógica.  A visão distorcida de consumista devastou a Amazônia prejudicando o meio ambiente, a guerra pelo Petróleo criou inimizade entre países, os imigrantes tolidos de uma vida igualitária são alvos da ignorância e desamor, o preconceito disfarçado cria monstros saciados apenas quando praticam a violência, a política praticada em benefício próprio empobrece a nação e a falta de tolerância com a fé, mata famílias inocentes por questões superficiais.
A sociedade sangra e precisamos fazer a diferença enquanto os recursos ainda podem ser restaurados. A sábia Madre Teresa de Calcutá ao receber o prêmio Nobel declarou ao ser questionada sobre como promover a paz e a mesma respondeu: "Voltem para os seus lares e amem suas famílias", Jesus ensinou a "amar ao próximo como a ti mesmo" e o presidente John Kenedy ressaltou:"O laço essencial que nos une é que todos habitamos este pequeno planeta. Todos respiramos o mesmo ar. Todos nos preocupamos com o futuro dos nossos filhos. E todos somos mortais." O Natal está chegando e muitos estarão sem suas casas (devastadas por desastres), sem entes queridos ( mortos pela violência e intolerância religiosas) procurando esperança onde parece não existir agora. Seja este instrumento de paz e ajude aqueles que ainda acreditam na humanidade.Semeie a paz para que os seus filhos colham a paz!

@azilbrasil - http://casadinhasonline.blogspot.com
Liza Lima - Facebook: Espacoparamudanças

POR QUE LEGALIZAR A IGREJA ?

Uma igreja é um local de ajuntamento de pessoas onde o objetivo principal deve ser conhecer a Cristo Jesus. Saber quem Ele é, sua história, seus ensinamentos e como este ambiente pode atender suas necessidades emocionais e espirituais.
Se somos cristãos não podemos andar desordenamente e precisamos obedecer as leis apresentadas pela sociedade em que vivemos. Jesus respeitava o governo da época e em seus sermões, sempre apontava para os erros de caráter e conduta humana. Ainda que sejamos contra algumas legislações, quando desejamos expôr nossa opinião deve ser de maneira democrática e correta para não causa dúvida na solução das questões.
Segundo as pesquisas realizadas pelo IBGE em 2010 [1], os cristãos ocupam 86,8% do Brasil e os católicos apenas 64,6% , logo, podemos fazer um paralelo de mais igrejas evangélicas inseridas nas periferias e locais com sistemas assistencialistas e mensagens próximas a realidade do povo. Em contrapartida, o aparecimento de estabelecimentos religiosos clandestinos apresentam um sinal negativo de um crescimento em quantidade e não em qualidade. Muitos casos aparecem de igrejas construídas em locais inapropriado, com instalações comprometedoras que podem causas acidentes ou denominações que se apropriam de nome de igrejas já existentes.
Legalizar uma igreja demanda tempo, recursos financeiros para pagamento de taxas de documentos e impostos e contratação de um profissional qualificado. Observando estes dados pensamos em citar alguns dos processos de legalização de igrejas para auxiliar nossos parceiros e desta maneira, contribuir para a redução do aparecimento de igrejas ilegais. ( Base bíblica: "Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças" Eclesiastes 9:10a)
Inicialmente, a igreja precisa consultar  a Lei de Zoneamento Municipal cujo o objetivo consiste em sinalizar se pode ter um templo religioso naquela localidade e acionar os bombeiros para a verificação da capacidade de pessoas possíveis para frequentar o local. (Base bíblica: "causa da preguiça, o telhado se enverga; por causa das mãos indolentes, a casa tem goteiras" Eclesiastes 10:18 )
O Corpo de Bombeiro  verifica  se o templo construído ou o projeto analisa as condições ideais para a reunião de pessoas com as medidas preventivas necessárias no que tange a estrutura ou possíveis casos de incêndio.( Base bíblica: Por isso não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. Efésios 5:17)
Em seguida, o levantamento do nome da igreja  junto ao cartório responsável de Pessoa jurídica identificando se já existe alguma igreja com o mesmo nome.  Este procedimento deve ser feito antes da  entrada no registro  de Ata de Organização e Estatuto evitando o constrangimento de ter o processo negado.
Próxima etapa seria criar um estatuto que apresente as normas e regras sobre os deveres e obrigação da organização religiosa.
Se você deseja saber mais sobre o assunto, indicamos os serviços da CAAC BRASIL: parceira do Ponto das Igrejas composta por uma equipe especializada em legalização 

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Crise de atitudes promove apatia as mudanças


Crise ... estamos em crise ... esta palavrinha aparece em todo instante nos noticiários, conversa entre amigos, redes sociais,  ecoa onde existe gente amontoada pronta para colocar a sua versão dos fatos.
É crise de valores, ou crise familiar, crise financeira ou crise no pensar  - afinal, estas 5 letrinhas estimulam desespero e lágrimas no olhar de muita gente.
Por vivermos questionando a realidade, criando meios para entreter a vida ou mesmo objetivando a construção de tecnologias que permitam viver melhor em sociedade, ainda não criaram uma fórmula para enfrentar as turbulências da vida. Uma busca incensante em conhecer a si mesmo e entender o outro, promove desconforto e assim, dilemas nos desafiam a obter respostas para este desafio. 
Esta expressão vem do grego krisis que significa "decisão" e apesar de muitos acharem que é o momento do fracasso e derrota, podemos mudar o foco descobrindo momentos de oportunidades.

Na verdade, o amor está em crise.  Uma apatia ao sentimento do próximo que compartilha uma vida a dois.A ausência de atenção do pai ou mãe com as dificuldades do filho. Ou diminuição da compaixão dos governantes aplicando impostos abusivos, cobrando do menos favorecido que precisa de ajuda.
No final, a crise é uma soma de ausências e conflitos que resulta na aflição do próximo.
Pode ser entendida como uma mudança brusca ou alteração no desenvolvimento de um evento ou acontecimento.
O importante é não deixar o abatimento tomar o lugar da perseverança associada a esperança.
"Fracasso é simplesmente a oportunidade de começar de novo; desta vez, de maneira inteligente"  - Henry Ford
Só passa por crise quem está vivo, então, use a crise para a promoção de oportunidade. Viva a mudança de atitude e derrote a crise.

Liza Lima - Colunista do Ponto

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

O milagre televisivo - Os dez mandamentos

Mundo moderno e interativo, repleto de surpresas ....afinal.o mundo gira e o tempo não pára! A prepotência continua sendo o deus deste século e esta semana um acontecimento chamou à atenção de milhares de telespectadores: O Mar vermelho se abriu e a audiência da Rede Globo caiu! 
Especulações e brincadeiras a parte, um acontecimento surreal! 
A Rede Globo durante longo anos domina os horários nobres da rede televisiva. Poderíamos até comparar com o poder de soberania de um faraó. AS emissoras concorrentes se esforçam para dar uma programação de conteúdo, e mesmo assim perdem para ela.
A novela Os dez Mandamentos não surpreendeu por causa dos efeitos no estilo hollywoodiano não, o que fez os telespectadores assistirem foi o simples fato de não aceitar assistir com a família, novelas com o conteúdo totalmente imoral, sem agregação de valores e sem apelos consumistas.
A história dos Dez Mandamentos é a  história sobre a libertação do povo hebreu, dominado pelos egípcios (durante anos ) partindo para a Terra Prometida.
Um olhar diferente repleto de valores sobre a família, sobre perdão, fé e respeito a autoridades ( os pais e governadores).
Estamos sendo testemunha do poder de escolha da sociedade diante da televisão. A sociedade demostrou uma transformação de consciência, quando todos achavam que a mesma havia perdido este poder pensativo de liberdade de escolha.
Uma mudança que não pode deixar de ser comentada. 
Parabéns, Rede Record pela iniciativa e por dar chance de brilhar atores maravilhosos que a Rede dominadora deixou para trás!


#amodezmandamentos#
#espacoparamudancas#os dez mandamentos#

Compartilhe este post você também!

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Segurança para ousar sem medo

A segurança  é o sustentáculo para a ousadia e o aparecimento do medo impossibilita a realização de sonhos. 
Segundo o dicionário Houassis, podemos entender o medo como "Estado emocional provocado pela consciência que se tem diante do perigo; aquilo que provoca essa consciência".
A crianca avança nos primeiros passos quando percebe que pode ir adiante. Ela cai, fica sem graça e o medo de cair novamente parece intimidá-la a tentar novamente. 
Nesta hora, os pais aparecem como incentivadores dando ânimo a criança para levantar e dar os primeiros passos. Nossa caminhada pode  não ser fácil e o medo pode ser um empecilho para o agir de Deus. Paralisa as potencialidades e inibe ao desenrolar das atividades propostas para aquele dia.
Se você tem um talento e não entende como pode usa-lo , saiba que a inercia nao sera a conselheira para a resposta desejada. Na Bíblia  existem lições que no ensinam que digno é o trabalhador do seu trabalho e mostra o trabalho da formiguinha no ver'ao para ter o que comer no inverno. 

A visão e motivação surgem quando agimos e vivemos cada dia de forma diferente. Jesus sempre motivou os seguidores a não desanimar diante das adversidades, afinal, o desconforto nos tira do ambiente de acomodação forcando a fazer as atividades de maneira diferente. A cada passo, a segurança  e firmada  e o cérebro cria conexões novas para cada obstaculo.
Para os cristãos,a  confiança em Deus faz a diferença em tudo que realizam porque vivem aquilo que acreditam ser verdade na Bíblia. Por esta razão, os casamento são duradouros mesmo tendo problemas familiares. Os filhos são ensinados desde a infância, a superarem as crises em Deus e por esta razão, aprendem o valor das autoridades (como os pais e governantes) e passam pelas dificuldades com outro olhar.
Como uma criança, convido a levantar-se quando cair diante de uma decepção, uma frustar ou mesmo um desamor. Deus nos ensina a levantar a cabeça todo dia  ... " basta cada dia o seu mal!".
Ser seguro e entender que  todo dia teremos situações que bagunçam o nosso planejamento. Aprenda com a Bíblia,  basta cada dia o seu mal e levante-se!